Financiamento condominial: motivos para fazer e como conseguir

Manter as contas de um condomínio saudáveis é fundamental para o seu bom funcionamento. No entanto, o que fazer quando existe a necessidade de uma obra emergencial, de rescisão de algum funcionário ou qualquer outra despesa capaz de desestabilizar as finanças? A solução ideal para isso é um financiamento condominial.

É claro que existem outras alternativas, como é o caso de rateios e chamadas extras de capital. Porém, são soluções que trazem desvantagens e não são apreciadas pelos condôminos. 

Por isso, o Financiamento Condominial CondoConta significa ter acesso aos recursos necessários para realizar melhorias e lidar com imprevistos, sem impactar negativamente o condomínio

É sobre isso que vamos falar hoje! Continue a leitura e saiba como ter acesso a crédito fácil para realizar as reformas e benfeitorias necessárias no seu condomínio!

O mercado condominial brasileiro

Os centros urbanos no Brasil estão mais densos, com imóveis e edifícios que alocam uma quantidade cada vez maior de moradias. Um levantamento realizado pela empresa Triider, com base nas edições anuais da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua, revela que foram construídos 7,8 milhões de novos apartamentos no País nos últimos 35 anos.

No período de 1984 a 2019, o número de prédios nas grandes regiões cresceu 321%. Esses dados apurados junto ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam para um processo de verticalização das cidades brasileiras, decorrente de um boom imobiliário observado nas últimas décadas. Nesse contexto, também se verifica um crescimento na quantidade de condomínios, tanto verticais, quanto horizontais.

De acordo com um documento da Associação Brasileira de Síndicos e Síndicos Profissionais (ABRASSP), há mais de 68 milhões de pessoas que moram em condomínios no Brasil

Acesso a crédito e financiamento condominial 

Como vimos, o mercado condominial cresce de maneira contínua, mas e quanto ao atendimento das instituições financeiras aos condomínios? Bem, este segue sendo um grande desafio para os gestores condominiais, visto que os bancos tradicionais não entendem a pessoa anômala que é o condomínio. Isso porque, mesmo que o CNPJ seja obrigatório para o condomínio, ele não gera lucro, já que seu caixa é constituído apenas pelo pagamento mensal das taxas condominiais. 

Aí está o motivo da falta de atendimento adequado pelas instituições financeiras e, em consequência, da dificuldade de acesso a crédito e financiamento condominial. Mas então, o que fazer quando o síndico precisa de verba para realizar uma obra ou reforma no edifício e o caixa está vazio? 

As síndicas Cíntia, de São Paulo/SP, e Luciana, de Betim/MG, têm a resposta! 

Um banco exclusivo para condomínios: sim, ele existe!

Assim como aconteceu com o advento dos bancos digitais no Brasil, que possibilitaram muito mais facilidade e praticidade ao dia a dia das pessoas físicas, um banco especializado em condomínios também já existe. 

O CondoConta é o primeiro banco exclusivo para condomínios. É brasileiro e veio para inovar e revolucionar um mercado até então esquecido ou mal atendido pelas instituições financeiras tradicionais. 

Cíntia é a síndica de um condomínio que precisa de uma obra para a recuperação da fachada. Como o investimento para a reforma é alto, depois de diversos estudos, ela descobriu que implementar a portaria remota poderia ser uma solução de economia a médio e longo prazo para arrecadar o valor necessário. 

“Para implementar a portaria remota no condomínio, esbarramos no valor da rescisão dos funcionários. Então, conheci o CondoConta e a opção de fazer um financiamento condominial com taxas mais baixas para pagar as rescisões e toda a instalação da infraestrutura. Agora, o valor gasto mensalmente com as folhas de pagamento será economizado para realizar as reformas na fachada”, conta. 

Já a síndica Luciana, buscava um financiamento para adquirir um sistema solar fotovoltaico para o condomínio horizontal que administra. Ela tentou obter esse valor com um um banco do qual o condomínio já é cliente há muitos anos e não foi possível. “Nunca nem sequer nos ofereceram linhas de crédito”, comenta.

Em uma pesquisa sobre bancos que oferecem financiamento condominial, Luciana acabou descobrindo o CondoConta. Abriu uma conta para o condomínio, fez a simulação e recebeu atendimento e apoio para solucionar suas dúvidas durante o processo, que, na sua opinião, “foi super tranquilo”. 

“Vi que seria possível adquirir o sistema solar fotovoltaico para o nosso condomínio. Algo que sem o CondoConta não poderíamos ter feito. Essa melhoria é de extrema importância para todos os que vivem no edifício. Por se tratar de uma iniciativa sustentável, traz economia e colabora com o meio ambiente, gerando energia limpa”, afirma. 

Independente do motivo, o financiamento condominial do CondoConta atende às necessidades de condomínios de todo o Brasil. No mês de outubro de 2021, chegamos a R$ 100 milhões em pedidos de crédito, incluindo as buscas por Receita Garantida e Financiamento. 

Com mais tempo em casa, as reformas e melhorias nos condomínios se tornaram muito mais frequentes. Os propósitos incluem obras diversas, a individualização de hidrômetros, a instalação de portaria remota, que envolve folha de pagamento/rescisões, como no caso da Cíntia, e placas fotovoltaicas para economizar energia, que Luciana implementou no seu condomínio.

Veja outras situações em que um condomínio pode precisar de recursos rapidamente, e para as quais o financiamento condominial se mostra como uma alternativa bastante vantajosa:

  • Pagamento de 13º salário de funcionários;
  • Rescisão de funcionários;
  • Realização de reformas;
  • Realização de manutenção corretiva e preventiva;
  • Instalação de novos equipamentos e estruturas;
  • Reorganização financeira do condomínio.

Transformar o ecossistema condominial  

É com esse propósito que o CondoConta trabalha todos os dias, na busca pelos melhores resultados possíveis, tanto para os gestores, que têm muito mais facilidade na administração das finanças do condomínio, quanto para os condôminos, que acompanham as melhorias realizadas e a constante valorização do seu patrimônio.

Como vimos, a facilidade para obter um financiamento condominial é, sem dúvida, um dos fatores fundamentais para melhorar e transformar a vida de todos os que vivem em condomínios. Por isso, o CondoConta reforça o compromisso de seguir propondo soluções e produtos sob medida para que esse mercado possa se renovar e crescer cada dia mais.  

Saiba como contratar o Financiamento Condominial CondoConta

Para contratar o Financiamento Condominial CondoConta, basta fazer uma simulação e solicitar o crédito desejado em um plano de pagamento adequado à sua possibilidade.  

Sabe qual a principal vantagem? Aqui, você trabalha com um banco especializado e exclusivo para atender os condomínios e suas particularidades. Dessa forma, é possível acessar os recursos o quanto antes e, quem sabe, desenvolver um plano de arrecadação para o pagamento posterior. 

Faça uma simulação!

Gostou deste conteúdo? Para ler mais artigos como este, continue navegando no nosso blog.

X